Conectado por

DJ90

Geral

Aras pede abertura de inquérito para investigar declarações de Moro sobre Bolsonaro

Publicado por

em

O procurador-geral da República, Augusto Aras, pediu ao Supremo Tribunal Federal que abra um inquérito para apurar as declarações do ex-ministro da Justiça, Sergio Moro, sobre a conduta do presidente Jair Bolsonaro. Aras pede que o Supremo tome depoimento de Moro e que o ex-ministro apresente provas de tudo o que informou em uma entrevista coletiva nessa sexta-feira.

O procurador-geral aponta que existem indícios da prática de crimes de falsidade ideológica, coação no curso do processo, advocacia administrativa, prevaricação, obstrução de Justiça e corrupção passiva privilegiada. Se Moro não tiver documentos que provem as declarações, pode responder por denunciação caluniosa e crime contra a honra de Bolsonaro.

A partir do resultado da coleta das provas, caberá ao procurador-geral Augusto Aras, decidir se oferece denúncia ou não.

Fonte: Ag. Brasil

Publicidade