Conectado por

DJ90

Geral

Mortes por coronavírus fazem registro de óbitos por causas naturais aumentar 11% em 2020

Publicado por

em

O número de mortes por causas naturais no Brasil, de março a maio de 2020, aumentou 11,3% se comparado ao mesmo período de 2019. Foram 32.249 mortes a mais que no ano passado. Desse total, 29.341 óbitos tiveram como causa a Covid-19.

Durante os três primeiros meses desse ano, 317 mil pessoas morreram por causas naturais, que são resultado de doenças ou mau funcionamento interno do corpo. Em 2019, 284 mil pessoas perderam a vida nessas condições.

A alta nos registros deste ano está diretamente relacionada ao novo coronavírus: das cerca de 32 mil pessoas que perderam suas vidas, quase 30 mil, de março até maio, morreram em consequência da Covid.

Esses números fazem parte do levantamento dos registros lançados pela plataforma online Cartórios de Registro Civil no Portal da Transparência. O site é administrado pela Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais, Arpen-Brasil.

O vice-presidente da Associação, Luís Carlos Vendramin Júnior, afirma que esses dados revelam os impactos do coronavírus no país.

Luís Carlos Vendramin Júnior destaca ainda que as medidas de isolamento social decretadas em alguns estados diminuíram a circulação de pessoas e carros nas ruas e estradas, o que levou à uma redução de 26% nas mortes violentas neste ano, em comparação com 2019.

Mortes violentas são as relacionadas a causas externas como, por exemplo, acidentes de trânsito, homicídios, suicídios, afogamentos e queimaduras. Em 2019 foram 19 mil óbitos de março a maio nessas circunstâncias, enquanto no mesmo período deste ano, foram registradas 14,5 mil mortes violentas.

Fonte: Ag. Brasil

Publicidade