Conectado por

Geral

Lojistas vendem produtos com desconto para protestar contra impostos

Lojistas vendem produtos com desconto para protestar contra impostos. O Dia Livre de Impostos reuniu comerciantes de vários estados. Segundo a Câmara de Diretores Lojistas, 40 mil estabelecimentos em todo o país deixaram de repassar o valor dos tributos para os clientes e arcaram com os custos dos impostos. Os descontos variaram de acordo com a taxação aplicada sobre cada produto.

Nas vendas pela internet, o desconto para itens de perfumaria chegou a 69%, seguidos pelas bebidas alcoólicas, com 60% de desconto. Já para refeições prontas, como marmitas, o desconto ficou em 10% e itens de marcenaria encomendados direto na fábrica, 7%.

Mas a regra de pesquisar antes de comprar continua valendo. Nossa reportagem encontrou alguns itens sendo vendidos no site da campanha que, sem os impostos, custavam o dobro do preço de lojas que não aderiram à iniciativa e seguiram cobrando os tributos.

Mas as maiores oportunidades ficaram mesmo nas lojas físicas. Em Brasília, um posto de combustíveis aderiu ao protesto. A funcionária pública aposentada, Sonia Silva, soube da oportunidade pelo tamanho da fila.

Francisco Cunha esperou quase duas horas para conseguir abastecer, mesmo assim acha que valeu a pena.

O posto ofereceu 10 mil litros de gasolina ao preço de 5 reais, mas não foi possível encher o tanque. Cada cliente podia comprar, no máximo, 20 litros. O empresário e proprietário do posto, Vonder Jarjour, deixou claro que não foi uma promoção.

Mas mesmo sem impostos, o preço cobrado ficou mais de 30% acima do valor da gasolina vendida no mesmo posto no protesto do ano passado. Há um ano, o litro custou R$ 3,79 sem os impostos.

Economia São Paulo 02/06/2022 – 19:06 Roberto Piza / GT Passo Eliane Gonçalves – Repórter da Rádio Nacional Dia sem Impostos Protesto comerciantes quinta-feira, 2 Junho, 2022 – 19:06 2:21

Fonte: Ag. Brasil

Mais notícias