Conectado por

Geral

Feira do Grafeno formaliza estímulo a pesquisas com material

Começou hoje e vai até a próxima sexta-feira a Primeira Feira Brasileira do Grafeno, na Universidade de Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul. A abertura oficial ocorreu durante a tarde, com a participação do presidente Jair Bolsonaro e do ministro da Ciência, Tecnologia e Inovações, Marcos Pontes.

Bolsonaro afirmou ter grande expectativa sobre o desenvolvimento da cadeia produtiva do produto.

Durante a cerimônia, foram assinados quatro documentos. O primeiro foi um convênio para desenvolver o uso medicinal do grafeno, com investimento de mais de 1 milhão e 800 mil reais. O segundo documento foi um acordo de parceria entre diversas instituições de pesquisa pelo país.

O ministro Marcos Pontes também assinou a portaria que instituiu o programa Inova Grafeno, para desenvolver as cadeias produtivas do grafeno e outros materiais à base de carbono. E Bolsonaro criou, por decreto, a Política de Materiais Avançados, para fabricar produtos com o uso de novas tecnologias.

Marcos Pontes afirmou que o grafeno tem grande potencial de retorno financeiro.

Em entrevista à TV Brasil Gov, o coordenador-geral de Tecnologias Habilitadoras do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações, Felipe Belucci, explicou o que é o grafeno e como o material pode ser usado.

O evento também marcou a inauguração da UCSGraphene. É a primeira fábrica de grafeno em escala industrial da América Latina.

Pesquisa e Inovação Presidente Jair Bolsonaro e ministro Marcos Pontes abriram evento Brasília Bolsonaro visita primeira feira brasileira do grafeno 09/07/2021 – 20:30 Jessica Gonçalves e Luiz Claudio Ferreira Victor Ribeiro, da Rádio Nacional Grafeno pesquisa Bolsonaro sexta-feira, 9 Julho, 2021 – 20:30 3:05

Fonte: Ag. Brasil

Mais notícias