Conectado por

Geral

Estado de São Paulo mantém o uso de máscaras em espaços públicos

O Governo do Estado de São Paulo anunciou nessa segunda-feira que vai manter a obrigatoriedade do uso de máscara em espaços coletivos até 31 de janeiro de 2022. A medida é para reforçar a proteção da população.

A decisão foi anunciada pelo secretário estadual de saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn. Segundo ele, esta é uma medida de cautela por causa do surgimento dos primeiros casos da variante Ômicron da covid e também devido ao surto de gripe aqui no estado.

Após 31 de janeiro do ano que vem, o assunto vai voltar para a pauta e novamente o governo de São Paulo decidirá se flexibiliza as regras para o uso da máscara ou não.

Lembrando que o uso deste item de proteção é obrigatório no estado desde 1º de julho de 2020. De lá pra cá, segundo a secretaria estadual de saúde, as equipes do centro de vigilância sanitária realizaram mais de meio milhão de inspeções e mais de 10 mil autuações relacionadas ao descumprimento de normas sanitárias.

A recusa pelo uso de máscara em locais públicos gera multa que varia de R$ 552,71 para pessoas físicas até R$ 5.294,00 para pessoas jurídicas.

Atualmente no estado de São Paulo, 78,49% da população já completou o esquema vacinal contra a covid-19, ou seja, as pessoas receberam duas doses ou dose única do imunizante, se considerada apenas a população adulta, o estado conseguiu vacinar cerca de 95,4% dessa população.

Saúde São Paulo 20/12/2021 – 17:05 Nádia Faggiani / Beatriz Arcoverde Annie Zanetti – Repórter da TV Brasil uso de máscaras segunda-feira, 20 Dezembro, 2021 – 17:05 1:45

Fonte: Ag. Brasil

Mais notícias