Conectado por

DJ90

Geral

Beneficiários voltam a fazer filas para sacar segunda parcela do auxílio emergencial

Publicado por

em

A Caixa abriu neste sábado 2.213 agências em todo o país para saques em dinheiro ou transferências para outras contas da segunda parcela do auxílio emergencial depositada em poupanças sociais digitais do banco.

O atendimento iniciado agora segue um cronograma. Apenas os beneficiários que receberam a primeira parcela até o dia 30 de abril e aqueles que nasceram no mês de janeiro receberão o dinheiro. Os beneficiários que optarem por não sacar a segunda parcela do auxílio podem usar o valor de R$ 600 ou R$ 1.200 para pagar contas como água, luz e telefone, boletos e fazer compras por meio do cartão de débito virtual.

Apesar da orientação da Caixa, de que não havia necessidade de as pessoas madrugarem na frente das agências e se aglomerarem em filas, muita gente chegou antes do amanhecer para garantir o atendimento, que começou às 8h e terminou ao meio-dia.

No Rio de Janeiro, 198 agências abriram em todo o estado. Municípios da Baixada Fluminense, como Duque de Caxias e Nova Iguaçu, e a capital fluminense foram os que mais registraram aglomerações em frente e no interior das agências, apesar das marcações no chão para garantir o distanciamento das pessoas e das orientações de funcionários.

O superintendente da Caixa no estado do Rio de Janeiro, Luciano Medeiros, acompanhou o funcionamento de agências no município do Rio e garantiu que todos que chegassem até o meio-dia seriam atendidos mesmo depois deste horário. Os funcionários distribuíram senhas e ficarão nas unidades até que o último beneficiário seja atendido.

Desde o dia 20 de maio, foram creditadas em 31 milhões de contas o pagamento da segunda parcela, totalizando R$ 20,3 bilhões.

Fonte: Ag. Brasil

Publicidade