Conectado por

DJ90

Geral

Auxílio de R$ 600: Caixa registra 30 milhões de cadastros e 270 milhões de acessos em site

Publicado por

em

A Caixa Econômica Federal registrou acessos em massa ao portal para cadastro para o auxílio emergencial, lançado terça-feira. O balanço foi feito pelo presidente da Caixa, Pedro Guimarães, durante a transmissão ao vivo feita pelo presidente Jair Bolsonaro em uma rede social.

“Nós tivemos, no primeiro dia, 111 milhões de acessos em seis horas, no site, e 21 milhões de brasileiros se cadastraram pelo aplicativo. Nunca houve isso antes. Até hoje, chegamos a 30 milhões de cadastros e 270 milhões de acessos no site. Só uma coisa, para evitar fraude: só existe um site, auxilio.caixa.gov.br , e um aplicativo, Auxílio Emergencial, [da] Caixa Econômica, Governo Federal”.

Na transmissão, o Bolsonaro comentou a decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes, que proibiu o governo federal de interferir nas medidas de combate à pandemia do novo coronavírus em estados, municípios e no Distrito Federal.

“A gente vai recorrer, mas tem um lado positivo, até. Quem é o responsável por ações como imposição de distanciamento e isolamento o social, quarentena, suspensão de atividades, você que está sem trabalhar, bem como aulas, restrições de comércio, atividades culturais e circulação de pessoas? Quem decide isso é o governador e o prefeito. Afastou o governo federal de tomar decisões nesse sentido. Então a responsabilidade, se você acha que as medidas tomadas no seu estado estão te prejudicando, o fórum adequado para você reclamar é o respectivo governador e prefeito”.

Jair Bolsonaro também voltou a defender o isolamento social somente das pessoas mais vulneráveis ao novo coronavírus e o uso da cloroquina no tratamento da Covid-19.

Fonte: Ag. Brasil