Conectado por



Nacional

Assaí troca CFO e traz Vitor Fagá, ex-CEO do Sam’s Club


Compartilhe:

Publicado por

em

O grupo de atacarejo Assaí surpreendeu na noite desta quarta-feira, ao anunciar a saída da CFO Daniela Sabbag — prata da casa — e a chegada de Vitor Fagá de Almeida, ex-Sam’s Club.

No fim de janeiro, o Grupo Carrefour anunciou a saída de Fagá e a integração das operações do Sam’s Club à unidade de varejo, numa série de mudanças para tentar reorganizar a casa após a integração do grupo BIG, comprado em 2021. No BIG, Fagá foi CFO – cargo que também ocupou no GPA.

Com uma carreira de quase 20 anos no GPA, onde foi diretora de relações com investidores e de M&As, Sabbag assumiu a diretoria financeira da Assaí, em 2019. Por lá, Sabbag liderou o processo de cisão do Assaí do GPA e o IPO da rede de atacarejo em 2021, bem como vivenciou a saída do Casino da base acionária da empresa.

Depois de um extenso plano de expansão física com a compra de 72 lojas de hipermercado do Extra, do GPA, o Assaí viu sua alavancagem aumentar com o alto investimento na conversão das lojas.

Mas a aposta vem se mostrando acertada, com crescimento importante de vendas. Considerando as 47 lojas convertidas em 2022 e que possuem, em média, mais de 12 meses de operação, a venda média mensal por loja chegou a R$ 28 milhões, com uma margem EBITDA de 5,6%.

Além disso, as lojas alcançaram um múltiplo de 3x o que vendiam como hipermercado, atingindo a projeção do Assaí à época da aquisição.

Os números do quarto trimestre de 2023 surpreenderam o mercado positivamente. No período, as vendas em mesmas lojas cresceram 2,9%, um número relevante considerando uma base de comparação forte — um ano antes, as vendas em mesmas lojas tinham crescido 10%.

A melhoria operacional também está diminuindo a pressão financeira. Atualmente, a relação dívida líquida/ Ebitda está em 3,8x, abaixo da estimativa do mercado que esperava um número acima de 4x. A meta de Sabbag era levar esa relação a um patamar mais confortável, em torno de 2x, até 2025.

Fonte: Exame

Publicidade

Mais notícias

Compartilhe: