Conectado por



Política

Sesau responde pedido de mutirão de cirurgias ortopédicas feito pela Dra. Taíssa


Compartilhe:

Publicado por

em

Mutirão de cirurgias (Foto: Divulgação)

A deputada estadual Dra. Taíssa (Podemos) solicitou à Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) a realização de um mutirão de cirurgias ortopédicas na segunda macrorregião de Rondônia. Em resposta, a Sesau informou que há diversas estratégias sendo elaboradas para reduzir a fila de espera por procedimentos cirúrgicos eletivos.

É evidente a complexibilidade da cirurgia ortopédica, pois não se trata somente do ato cirúrgico, mas integra também a condição clínica do cidadão tendo em vista que essa especialidade causa além da limitação de movimento, dores crônicas e afeta a qualidade de vida das pessoas devido a ausência da mobilidade. O objetivo do documento protocolado pela parlamentar visa na redução das filas de espera que é um dos gargalos da saúde pública em Rondônia.

Na resposta da secretaria foi informado o valor de R$ 5.569.915,26 (cinco milhões quinhentos e sessenta e nove mil novecentos e quinze reais e vinte seis centavos) para o projeto “Compartilhando Saúde” em execução e vigência até 30 de junho em Ji-Paraná, outra estratégia foi a abertura de processo de contratação de credenciados que atuam na prestação de serviços ambulatorial e cirúrgico eletivo.

Além disso, o documento da Sesau aborda sobre uma estratégia recém articulada, que foi a atualização do “Plano Estadual de Redução nas Filas de Cirurgias Eletivas”, instituído no estado a partir do Programa do Governo Federal. Contudo, Ji-Paraná não aderiu ao projeto, o que dificulta a ampliação do acesso à cirurgias.

“A secretaria tem realizado esforços para atender a necessidade da população, mas precisamos contar com o apoio e adesão dos municípios para o sucesso nos projetos. Diante das estratégias que vêm sendo adotadas pela gestão, o mutirão de cirurgias não é uma alternativa considerada nesse momento”, ressalta a resposta enviada pela Sesau.

 

Texto: Rosa Rodrigues / assessoria parlamentar

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Mais notícias

Compartilhe: