Conectado por

Nacional

Procurador agride colega de trabalho após denúncia por comportamento suspeito

O procurador Demétrius Oliveira Macedo, de 34 anos, agrediu a procuradora-geral de Registro, no interior de São Paulo, depois que ela registrou um processo administrativo contra ele. A informação foi publicada pelo “G1” nesta terça-feira (21), um dia depois do ocorrido. A violência foi filmada por uma funcionária da prefeitura, e outros servidores tentaram conter a investida. 

A vítima, Gabriela Samadello Monteiro de Barros, de 39 anos, trabalhava quando foi atacada pelo suspeito. Conforme o boletim de ocorrência, registrado no 1º Distrito Policial da cidade paulista, o homem atacou a procuradora com uma cotovelada na cabeça e socos no rosto.

O portal relatou que Demetrius havia, previamente, apresentado comportamento grosseiro e suspeito contra outra funcionária. A procuradora-geral pediu para que a conduta dele fosse apurada e, na segunda-feira (20), uma comissão para investigar o ocorrido foi criada, o que teria motivado a agressão. 

Em nota encaminhada à reportagem do “G1”, o Executivo lamentou o ocorrido. “[A prefeitura manifesta] o mais absoluto e profundo repúdio aos brutais atos de violência realizados pelo procurador municipal contra a servidora municipal mulher que exerce a função de procuradora-geral do município”, diz o texto.

Fonte: O tempo

Mais notícias