Conectado por

Geral

No Instagram, artista dá cara à mulher negra da quebrada e sofre ataques

A pedagoga e ilustradora Bruna Bandeira da Silva, 29, fez da sua paixão pela arte de desenhar um símbolo de representatividade e afeto para a população preta e periférica que a segue nas redes sociais. Fonte: Uol Tecnologia

Fonte

Mais notícias