Conectado por

DJ90

Geral

Niterói: primeira etapa do pagamento municipal de R$ 500 para 6 categorias começa nesta quinta

Publicado por

em

Vendedores ambulantes, trabalhadores da economia solidária, catadores de materiais recicláveis, quiosqueiros, permissionários de bancas de jornal e pescadores artesanais de Niterói vão receber auxílio de R$ 500 da prefeitura nos meses de abril, maio e junho.

A primeira etapa da distribuição dos cartões pré-pagos será nesta quinta e sexta-feira. Nesta primeira fase serão atendidos os artesãos, vendedores ambulantes, trabalhadores da economia solidária e catadores.

A iniciativa faz parte do programa Busca Ativa, que é uma das medidas recentemente implementadas para a redução dos impactos econômicos e sociais decorrentes da epidemia do novo coronavírus no município.

O edital com o cronograma de fornecimento dos cartões para os demais beneficiários, que são quiosqueiros, permissionários de banca de jornal e pescadores artesanais será divulgado nos próximos dias, no Diário Oficial.

O auxílio emergencial será disponibilizado a estas categorias específicas com cadastros ativos no Município até 31 de março de 2020, através da Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, da Secretaria Municipal das Culturas ou da Secretaria Municipal de Ordem Pública.

Para que o beneficiário possa receber o cartão pré-pago, é necessário que compareça, no dia, horário e local previamente designados, levando o original e cópia de documento de identidade com foto e, se for o caso, procuração preenchida em nome do habilitado a retirar o cartão, acompanhada de original e cópia do documento de identidade com foto do procurador e do beneficiário.

Para saber mais detalhes e se está apto a receber o benefício, o trabalhador deve consultar a página da Secretaria Municipal de Fazenda na internet em fazenda.niteroi.rj.gov.br e digitar “Busca Ativa” no mecanismo de pesquisa do site. Caso não encontre o nome na lista, é preciso entrar em contato com a secretaria que mantém o cadastro da atividade econômica à qual está inscrito.

Fonte: Ag. Brasil