Conectado por

DJ90

Geral

Mais de 33,5 milhões de pessoas já fizeram o cadastro para receber o auxílio emergencial

Publicado por

em

Trinta e três milhões e seiscentos mil trabalhadores informais, que tiveram a renda afetada devido a pandemia do novo coronavírus, já concluíram o cadastro para receber o auxílio emergencial de R$ 600 ou R$ 1.200. Essas pessoas não estavam no Cadastro Único para programas sociais do Governo Federal, o CadÚnico.

 

Até o momento, os interessados na ajuda do governo já realizaram mais de 273 milhões de visitas ao site do programa emergencial. Já foram mais de 35 milhões de downloads do aplicativo do auxílio. Além de 13 milhões de ligações para o 111 com o objetivo de tirar dúvidas sobre como receber o dinheiro.

 

A previsão é que nesta terça-feira, os primeiros trabalhadores informais comecem a receber a renda básica emergencial do governo em suas contas. Na última quinta-feira, dia 9, 2,5 milhões de pessoas que já eram inscritas no CadÚnico tiveram o dinheiro depositado em suas contas da Caixa Econômica Federal ou Banco do Brasil, totalizando R$ 1,5 bilhão depositados.

 

Os beneficiários do Bolsa Família também poderão receber o auxílio emergencial. O pagamento será no mesmo dia do recebimento do programa social, que ocorrem nos últimos dez dias úteis de cada mês.

 

Mas para se candidatar a essa ajuda nesse período de pandemia é necessário não ter emprego formal, não receber benefício previdenciário ou assistencial, seguro-desemprego ou outro programa de transferência de renda federal, com exceção do Bolsa Família. Também é importante que a renda familiar por pessoa seja de meio salário mínimo ou três salários mínimos por família.

Fonte: Ag. Brasil

Publicidade