Conectado por

Geral

Maior seca dos últimos 17 anos no RS causa destruição na agricultura

Uma onda de calor atinge o Rio Grande do Sul e deve permanecer na região até o fim desta semana. Segundo previsão do Inmet – o Instituto Nacional de Meteorologia, a temperatura máxima na capital Porto Alegre pode chegar a 39 graus, no sábado (15). Já na fronteira com o Uruguai e Argentina, na cidade de Uruguaiana, os termômetros podem atingir os 44 graus, na quinta-feira (13).

O meteorologista Mamedes Melo explica que esse calor fora do comum se deve ao fenômeno La Niña.

E as altas temperaturas estão trazendo prejuízos para os agricultores. Dados da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do Rio Grande do Sul apontam que essa, que já pode ser considerada a maior seca dos últimos 17 anos, vai resultar numa perda de 39% das lavouras do Estado.

A previsão é que a onda de calor vai diminuir à medida que a massa de ar quente for penetrando o continente. Isso deve influenciar, inclusive, na diminuição das chuvas que atingem os Estados de Minas Gerais, Goiás, Tocantins e Bahia, dando espaço às chuvas típicas de verão: intensas e rápidas

Meio Ambiente Brasília 11/01/2022 – 21:47 Bianca Paiva / Guilherme Strozi Graziele Bezerra – Repórter da Rádio Nacional calor Seca crise climática terça-feira, 11 Janeiro, 2022 – 21:47 1:52

Fonte: Ag. Brasil

Mais notícias