Conectado por

DJ90

Nacional

Estado do Rio passa de 4.000 mortes confirmadas por coronavírus

Publicado por

em

O Estado do Rio de Janeiro confirmou mais 112 mortes por Covid-19 e chegou nesta segunda-feira (25) a 4.105 óbitos diagnosticados com a doença. Os dados fazem parte do balanço divulgado nesta segunda (25) pela Secretaria Estadual de Saúde, que contabiliza 39.298 casos confirmados nos municípios fluminenses, e 31.687 pessoas que se recuperaram da infecção.

Segundo o governo do Estado, 986 óbitos estão em investigação e 240 suspeitas foram descartadas em exames laboratoriais.

O Estado do Rio iniciou o mês de maio com menos de mil mortos por coronavírus e chegou a esse patamar no dia 3. O número continuou a crescer até passar de 2.000 em 13 de maio, dez dias depois. Depois disso, foram mais 12 dias para que o total de mortes confirmadas dobrasse novamente com o balanço desta segunda.

A cidade do Rio de Janeiro soma 22.466 casos de Covid-19 e 2.831 mortes, segundo o balanço estadual.  Niterói tem o segundo maior número de casos, com 2.041, e Nova Iguaçu e Duque de Caxias são as outras duas cidades com mais de mil casos do novo coronavírus, com 1.274 e 1.246, respectivamente.

Em número de mortes, porém, essas duas cidades estão bem acima de Niterói, que tem 89 óbitos. Duque de Caxias, com 187, tem mais que o dobro. Já Nova Iguaçu contabiliza 142. Apesar de ter menos de 1 mil casos confirmados, São Gonçalo também soma mais mortes que Niterói, com 92 óbitos.
 
As oito cidades com mais casos confirmados estão na região metropolitana do Rio. Além dos municípios citados, compõem o grupo Itaboraí (938), Queimados (870) e São João de Meriti (656). No interior, Angra dos Reis (644), Campos dos Goytacazes (588) e Volta Redonda (570) são as cidades com mais diagnósticos.

Petrópolis tem é o município com o maior número de mortes no interior, com 31 casos. Volta Redonda soma 25, Angra dos Reis, 23, e Teresópolis, 22.

 

Fonte: O tempo