Conectado por

Geral

Congresso discute alternativas para a crise dos preços de combustíveis

O Congresso continua discutindo alternativas para a crise dos preços de combustíveis no Brasil.

Nesta terça-feira, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco disse estar aberto a debater qualquer proposta que diminua o impacto dos preços da gasolina, etanol e diesel, mas defendeu que o caminho seja a discussão de um  projeto que cria a conta de estabilização, matéria que já foi aprovada pelo Senado e aguarda análise da Câmara desde março.

Pacheco defendeu ainda que a solução do impasse sobre os preços dos combustíveis  não tenha interferência do governo na Petrobras. Entre as proposta está a conta estabilização.

A conta de estabilização a que Pacheco se refere é a proposta que cria regras para estabilização dos preços de combustíveis, uma espécie de um sistema de bandas de preços, que limita a variação, e uma conta federal para financiar essa ferramenta.

Além disso, estabelece um auxílio de até R$ 300 mensais para motoristas autônomos de baixa renda.

O presidente da Câmara Arthur Lira vem defendendo publicamente uma mudança na Lei das estatais, em que, segundo ele, possa permitir um entendimento maior entre as empresas e o governo.

Lira que articula junto ao governo  propostas que interfiram na política de preços da Estatal e aumente a  taxação dos lucros.
 

Política Brasília 21/06/2022 – 22:16 Raquel Mariano / Beatriz Arcoverde Kariane Costa – Repórter da Rádio Nacional Preços Combustíveis terça-feira, 21 Junho, 2022 – 22:16 1:51

Fonte: Ag. Brasil

Mais notícias