Conectado por

Nacional

Com collab com Luísa Sonza, Dailus quer vender meio milhão de esmaltes em um mês

Na semana passada, a Dailus anunciou o lançamento de uma nova coleção de esmaltes em parceria com a cantora Luísa Sonza. Ao todo, são seis cores batizadas com nomes de músicas da cantora, que estão disponíveis no e-commerce e nos mais de 20 mil pontos de venda da Dailus desde o dia 2 de junho.

A collab é a segunda da marca de cosméticos com famosos. A primeira aconteceu em 2021, também com o lançamento de uma linha de esmaltes, mas em parceria com a influenciadora GKAY. A coleção, batizada de “Oxe, minha gente”, vendeu 1 milhão em três meses. A expectativa, porém, é que a linha de Luísa Sonza venda 500 mil apenas no primeiro mês de lançamento.

LEIA MAIS:

“Fizemos uma introdução de mais de meio milhão de esmaltes só no primeiro mês. Porém, não temos uma meta estabelecida. Entendemos que estamos apenas começamos a contar essa história com a Luísa, então, não queremos limitar o potencial do negócio”, diz Carolina Bertelli, Diretora de Marketing e Novos Negócios da Dailus.

Carolina também deixa em aberto a possibilidade de lançar outros produtos com a cantora. “O que eu posso adiantar, e até a Luísa deu alguns spoilers, é que estamos muito felizes com o resultado da parceria, desde o produto final até a receptividade do público. Então, sim, tem mais coisa vindo por aí”.

Por trás da colaboração está o movimento de reposicionamento da Dailus, que começou em 2019. Fundada em 2006, como uma empresa familiar de fabricação de esmaltes na zona leste de São Paulo, a companhia se reorganizou para ampliar o portfólio de produtos e, hoje, são mais de 200 itens disponíveis.

De olho em um número cada vez maior de famosos que lançam suas próprias linha de roupas, maquiagens e outros produtos, a Dailus criou uma marca exclusiva para colaborações, a Dailus Feat. “Desde então, passamos a buscar pessoas e marcas que compartilhassem dos mesmos valores conosco. Queremos oferecer a nossa estrutura e expertise para os influenciadores testarem a receptividade do seu público e, quem sabe, eventualmente, construir os próprios negócios com a gente”, diz Carolina.

Embora não divulgue dados de faturamento, Carolina diz que a empresa está otimista com a retomada pós-pandemia. “Algumas categorias como boca e pele foram duramente impactadas pela pandemia e o uso de máscara. Com a flexibilização, estamos vendo um crescimento na procura desses itens. Então, a nossa estratégia é lançar as coleções de maquiagens e esmaltes em conjunto”.

Luísa Sonza: “sou chata com parcerias”

A parceria com a Dailus é a primeira da cantora Luísa Sonza que acumula mais de 29 milhões de seguidores no Instagram e outros 8 milhões de ouvintes mensais no Spotify. Em entrevista coletiva na última sexta-feira, 3, a cantora afirmou que a demora aconteceu porque ela é “bem chata” para realizar colaborações com marcas.

“Eu venho recebendo alguns propostas há algum tempo, mas sempre fui muito chata e se via qualquer coisa que fosse contra meus valores desistia na hora. Teve projetos que estavam quase fechados e desisti porque não gostei da postura de alguém durante uma reunião”, afirmou.

De acordo com Luísa, além de se identificar com o time da Dailus, a proposta da coleção de esmaltes também foi um fator determinante para fechar com a marca de cosméticos. “Sempre tive unhas curtas e usava unhas postiças e alongamentos. As unhas sempre foram uma forma de me expressar e das pessoas se identificarem comigo”, disse.

Diferente de outros artistas, Luísa não quer o título de empreendedora e diz que não está buscando investir em negócios fora dos palcos. “Se aparecer algo que eu ache que faz sentido, tudo bem. Mas o meu foco é na minha carreira, quero empreender na música”, disparou.

Fonte: Exame

Mais notícias