Conectado por

DJ90

Nacional

Cinco dicas para cuidar da aparência durante a quarentena

Publicado por

em

Em 1815, os irmãos e linguistas alemães Jacob e Wilhelm Grimm traziam ao mundo a história de Rapunzel, uma jovem plebeia enclausurada em uma torre que tinha como única companheira suas enormes tranças. Para o cabeleireiro Eron Araújo, embaixador da marca de cosméticos TRESemmé no Brasil e nome procurado por celebridades e por boa parcela da elite paulistana, o conto infantil publicado há dois séculos nos ensina uma lição. Quando estamos sozinhos, somos mais propensos a mudanças na aparência, como dar vez aos pelos. 

Famosos como Jim Carrey já anunciaram em suas redes sociais que deixarão os pelos crescer durante a quarentena. O ator hollywoodiano passou a atualizar o crescimento de sua barba todos os dias pelo Twitter.

Para Eron Araújo, o período de isolamento social tira a obrigatoriedade de seguir padrões estéticos cobrados em ambientes formais e abre um leque de possibilidades na transformação da aparência. Isso vale para homens e mulheres. “As pessoas ficam mais à vontade para mudar o estilo e sair da zona de conforto quando saem da rotina”, diz.  

Segundo o Euromonitor, em 2019, o número de salões de beleza formais registrados no Brasil passava dos 500.000. Com a quarentena adotada pela maior parte dos estados devido à pandemia de coronavírus, muitos desses estabelecimentos estão proibidos de funcionar. A EXAME separou as cinco principais dicas dadas pelo especialista sobre como cuidar da aparência em casa durante a quarentena. 

Conheça seu tipo de cabelo

Saber a qual categoria seu cabelo pertence é o primeiro passo para aprender a tratá-lo. Normalmente, os tipos de fio são divididos em 12 subcategorias que vão do mais fino (1a) ao mais grosso (4c). “Cabelos finos são mais oleosos, cabelos médios são ‘normais’ e cabelos grossos são mais secos. É preciso um autodiagnóstico para começar a cuidar”, diz Eron. 

Comece a usar os produtos certos

Depois de investigar o fio e encaixá-lo na categoria correta, é indicado que se comece a usar os produtos adequados a seu tipo de cabelo. Muitas vezes, usar o xampu e o condicionador errado pode mais danificar o fio do que mantê-lo saudável. “Usar xampu e condicionador de acordo com o tipo de cabelo que você tem é fundamental para ter bons resultados.” 

Hidrate

Na quarentena, o tempo extra pode ser um bom aliado para manter o cabelo hidratado. Além de máscaras capilares de hidratação que já vêm prontas, ingredientes caseiros podem ser úteis. “A gosma da babosa repõe água no fio. O óleo de coco, usado como pré-xampu, também é muito bom para hidratar.” 

Mude, mas com cuidado

O período de isolamento também pode ser uma oportunidade para testar novos estilos sem chamar a atenção. Deixar o cabelo crescer, testar novos cortes ou tingimentos são dicas que podem valer a pena. “Para quem nunca arriscou devido à rotina do dia a dia, principalmente para os homens, é uma ótima oportunidade para deixar o cabelo crescer e testar novos estilos. Investir em tinturas pode ser feito desde que sob a supervisão de um profissional. Se você não tem prática, melhor evitar.” 

Barba também é cabelo 

Para os homens, reconhecer que a barba também é um tipo de cabelo é o primeiro passo para começar cuidar melhor dos pelos. “Você pode usar, na barba, o mesmo xampu e creme de pentear que usa no cabelo. A barba também é cabelo e deve ser cuidada.” 

Jim Carrey está mostrando o crescimento de sua barba no TwitterJim Carrey/Twitter/Reprodução

Fonte: Exame