Conectado por

Geral

Cem anos do rádio no Brasil: as primeiras rádios brasileiras

Logo depois da fundação da Rádio Sociedade do Rio de Janeiro, por Edgard Roquette-Pinto, em 1923, a atividade radiofônica se multiplicou  e diversas emissoras com o mesmo caráter surgiram no país. 

Ainda em 1923, foi criada a primeira emissora de rádio em São Paulo: a Sociedade Educadora Paulista. Um ano depois, surgiu também a  Rádio Clube de São Paulo. No interior, nascem a Rádio Clube de Rbeirão Preto e a  Rádio Hertz de Franca.

Nesta época, as transmissões eram esporádicas, irradiadas em apenas alguns horários do dia. As emissoras se organizavam como clubes ou sociedades, com cobrança de mensalidades para custear as transmissões  nas capitais e no interior.

De norte a sul do país, experiências radiofônicas eram reproduzidas com sucesso. 

Em 1924, a Rádio Sociedade da Bahia foi inaugurada  por um grupo de 200 sócios, formado por empresários e professores das faculdades de medicina e engenharia, entre eles os doutores Agenor Augusto de Miranda, Cesário de Andrade, Caio Moura, Arquimedes Gonçalves e Urbano Pires. 

Na capital do Rio Grande do Sul, surge a Rádio Sociedade Rio-Grandense, como “um serviço de irradiações fônicas a domicílio, mediante modesta mensalidade, a fim de que possam gozar de tão importante melhoramento , até mesmo as pessoas menos abastadas”.

Essas “irradiações fônicas” eram a “transmissão a domicílio da radiotelefonia recebida do Rio, Buenos Aires e Montevidéu”. 

Na cidade de Pelotas, a segunda maior do estado, distante 256 quilômetros de Porto Alegre, é fundada a  Sociedade Anônima Rádio Pelotense pelos senhores Baldomero Trápaga y Zorrilla,  major Alexandre Gastaud, Arthur Assunção, Affonso Gastal, Tobias Sica, Bazileu Azevedo  e Antonio Henrique Nogueira Filho . 

Em Curitiba, nasce a Rádio Cube Paranaense, fruto do espírito pioneiro de empresários  e “ervateiros”  – negociantes de erva mate – com o fim de difundir pela telefonia sem fio, concertos musicais, palestras instrutivas , centros para crianças, músicas de danças  e notícias de interesse geral.

O pioneirismo do projeto educativo-cultural idealizado por Edgard Roquette-Pinto, na Rádio Sociedade do Rio de Janeiro, foi conduzido Brasil afora por uma geração de amadores da radiofonia em um momento anterior ao impasse que se colocaria logo em seguida, com a regulamentação da publicidade para financiar as atividades radiofônicas.

Cem anos em 100 programas

100 anos rádio no Brasil

100 anos rádio no Brasil – Arte EBC

Até 7 de setembro, a Rádio MEC vai produzir e transmitir, diariamente, interprogramas com entrevistas e pesquisas de acervo sobre diversos aspectos históricos relacionados ao veículo.

A ideia é resgatar personalidades, programas e emissoras marcantes presentes na memória afetiva dos ouvintes. Acompanhe na Radioagência.

Cultura Rio de Janeiro 05/06/2022 – 11:01 Adriana Ribeiro / Alessandra Esteves Rádio MEC 100 anos rádio no Brasil primeiras rádios no Brasil domingo, 5 Junho, 2022 – 11:01 316:00

Fonte: Ag. Brasil

Mais notícias