Conectado por

Nacional

Brasil registra 342 mortes por covid-19 em 24h; média móvel é de 526

O Brasil registrou 342 novas mortes pela covid-19 nesta terça-feira, 7, Dia da Independência. A média semanal de vítimas que elimina distorções entre dias úteis e fim de semana, ficou em 526, abaixo de 600 pela primeira vez neste ano. A última vez que o indicador chegou a esse patamar foi em 1º de dezembro de 2020, quando atingiu o mesmo número.

Nesta terça-feira, o número de novas infecções notificadas foi de 13.868. No total, o Brasil tem 584.208 mortos e 20.911.579 casos da doença. Os dados diários do Brasil são do consórcio de veículos de imprensa formado por Estadão, G1, O Globo, Extra, Folha e UOL em parceria com 27 secretarias estaduais de Saúde, em balanço divulgado às 20h. Segundo os números do governo, 19 89 milhões de pessoas se recuperaram da covid desde o início da pandemia no País.

São Paulo teve 28 novas mortes pelo coronavírus nas últimas 24 horas, enquanto o Rio de Janeiro apresentou o maior número de registros no período, com 69 novas vítimas. Sergipe e Amapá não notificaram óbitos pela pandemia nesta terça-feira.

O balanço de óbitos e casos é resultado da parceria entre os seis meios de comunicação que passaram a trabalhar, desde 8 de junho do ano passado, de forma colaborativa para reunir as informações necessárias nos 26 Estados e no Distrito Federal. A iniciativa inédita é uma resposta à decisão do governo Bolsonaro de restringir o acesso a dados sobre a pandemia, mas foi mantida após os registros governamentais continuarem a ser divulgados.

Vacinados

O número de pessoas vacinadas com ao menos uma dose contra a covid-19 no Brasil chegou nesta terça-feira, 7, a 135.423.423, o equivalente a 63,48% da população total. Nas últimas 24 horas, 552,8 mil pessoas receberam a primeira aplicação da vacina, de acordo com dados reunidos pelo consórcio de veículos de imprensa junto a secretarias de 26 Estados e Distrito Federal.

Entre os mais de 135 milhões de vacinados, 67,9 milhões estão com a imunização completa contra o coronavírus, o que representa 31,84% da população total. Nas últimas 24 horas, 580,1 mil pessoas receberam a segunda dose e outras 7,2 mil receberam um imunizante de aplicação única.

Em São Paulo e no Espírito Santo, 1.034 pessoas receberam a dose de reforço nesta terça-feira. Com isso, a revacinação já atingiu 14.279 brasileiros. Somando todas as vacinas aplicadas, o Brasil administrou 1.141.319 doses nesta terça-feira.

São Paulo tem 74,55% da população imunizada com ao menos a primeira dose, dentre os quais 40,58% já completaram o esquema vacinal. Os cinco Estados que têm a maior proporção de habitantes totalmente imunizados (duas doses ou aplicação única) são: Mato Grosso do Sul (46,89%), São Paulo, Rio Grande do Sul (38,43%), Espírito Santo (35,22%) e Santa Catarina (32,14%).

Fonte: Exame

Mais notícias