Conectado por

Geral

Baixo nível do Rio Madeira pode provocar restrições de navegação

Os moradores de Porto Velho, capital de Rondônia, estão acostumados a ver o Rio Madeira com níveis elevados geralmente no fim do ano, quando começa o período chuvoso na região. O aumento das águas costuma causar cheias em janeiro.

Mas agora em 2021, a situação é bem diferente. Isso porque choveu menos que o esperado entre maio e outubro, quando foi registrado 80 milímetros a menos do que a média esperada para o período. Na última medição, nessa segunda-feira, o rio que banha a capital rondoniense estava em três metros e seis centímetros.

Mas a situação ainda pode mudar. É que a previsão é de chuvas mais fortes a partir do dia 6 de novembro. Com isso o CPRM – Serviço Geológico do Brasil estima que nos próximos sete a 15 dias, o nível do Rio Madeira chegue a quatro metros, o que pode provocar restrições de navegação em Porto Velho, como explica o pesquisador do CPRM, Marcos Suassuna.

Marcos detalha que o Rio Madeira já registrou níveis mais baixos que o atual.

Em contraponto a seca deste ano, o rio Madeira teve três cheias históricas. Em 2014, quando passou de 19 metros. Em 2007, quando foram registrados 17 metros e 52 centímetros. Em 2019, quando ficou em 17 metros.

 

 

 

 

Meio Ambiente Brasília 02/11/2021 – 17:50 Paula de Castro Ribeiro e Luiz Cláudio Ferreira Dayana Vitor, da Rádio Nacional Seca Rio Madeira  terça-feira, 2 Novembro, 2021 – 17:50 2:20

Fonte: Ag. Brasil

Mais notícias