Conectado por

DJ90

Nacional

Aumentam as teorias da conspiração que ligam Bill Gates à covid-19

Publicado por

em

O fundador da Microsoft Bill Gates, uma das pessoas mais ricas do planeta, é um grande alvo de teorias da conspiração sobre o surgimento da pandemia do novo coronavírus, causador da covid-19.

A empresa de análise de mídia Zignal Labs verificou que as postagens nas redes sociais afirmavam falsamente que o fundador da Microsoft projetou a curva crescente de contaminação do vírus desde o início deste ano, informou o jornal The New York Times.

No total, a Zignal Labs calcula que as teorias da conspiração envolvendo Gates e o vírus foram mencionadas 1,2 milhão de vezes nas redes sociais e nas transmissões de TV.

Foram mais de 16 mil postagens no Facebook sobre Gates e o vírus, contabilizando cerca de 900 mil curtidas e comentários. A empresa informou que os dez vídeos mais populares do YouTube em março e abril, divulgando informações erradas sobre Gates, atraíram 5 milhões de visualizações.

A relação de Bill Gates com as teorias surgiu por conta de uma palestra, de 2015, na qual ele afirmava que o grande risco para a humanidade não era uma guerra nuclear, mas um vírus que pudesse infectar e ameaçar a vida de milhões de pessoas.

A hipótese difundida é que ele sabia sobre a pandemia antecipadamente, citando uma patente de vacina registrada por um grupo britânico chamado Pirbright Institute que recebeu financiamento da Fundação Gates, iniciativa filantrópica do bilionário e da sua esposa para a área de saúde.

A teoria foi levantada dois dias depois pela Infowars, conhecido como um disseminador de desinformação. No entanto, a vacina não estava relacionada ao novo coronavírus, mas a um coronavírus diferente que afeta as aves.

O aumento das teorias da conspiração culpando Gates se relaciona com figuras de direita e anti-vacinação. Roger Stone, ex-assessor de campanha de Donald Trump, que no início deste ano foi condenado a 40 meses de prisão, sugeriu em um programa de rádio que “se Bill Gates está desempenhado algum papel na criação e propagação deste vírus, ele está aberto para debate vigoroso”.

Anteriormente, o fundador da Microsoft havia aparecido na televisão e escrito artigos expressando suas opiniões sobre como combater o vírus, além de criticar o presidente Donald Trump por retirar fundos dos EUA para a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Vacina

A organização filantrópica de Gates, a Fundação Bill e Melinda Gates, prometeu US$ 250 milhões para combater a pandemia de coronavírus, incluindo o desenvolvimento e a fabricação de uma vacina.

A equipe do bilionário escolheu os sete projetos de vacina tidos como os mais promissores e está construindo aparatos para fabricá-las caso elas se mostrem funcionais.

“Embora a gente vá terminar escolhendo no máximo duas [vacinas], vamos financiar fábricas para todas as sete para que a gente não perca tempo dizendo ‘ok, qual vacina funciona’ e só então construir a fábrica”, disse.

Mesmo com os esforços, uma vacina deve demorar pelo menos 18 meses para efetivamente ficar pronta para o mercado, afirmou Gates.

Fonte: Exame