Conectado por

Nacional

Assembleia do Inter aprova listagem na Nasdaq; veja termos de troca

A maioria dos acionistas do Inter (BIDI11, BIDI4) aprovou a transferência da listagem da instituição financeira da bolsa de valores brasileira, a B3 (B3SA3) para a Nasdaq, informou a empresa nesta quinta-feira, dia 25.

O banco já havia recebido autorização da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) para a mudança. Agora, os acionistas terão a opção de escolher vender (cash-out) seus papeis existentes na B3 ou receberem BDRs (recibos de ações listadas no exterior) que poderão ser convertidos em ações Classe A negociadas na Nasdaq.

O Inter decidiu mudar seu principal local de listagem para os Estados Unidos para ter “mais acesso aos mercados de capitais globais e, potencialmente, uma base de investidores maior e mais diversa”, disse o banco.

Outra razão foi a “permissão [no mercado de capitais americano] de emissão de ações com voto plural, com o objetivo de permitir futuros aumentos de capital que serão necessários para o crescimento e assegurar a obrigação regulatória de controle definido no Inter.”

Traduzindo: o empresário Rubens Menin e sua família vão conseguir preservar o controle do banco por meio de ações de Classe B, com maior poder de voto, mesmo com as emissões futuras esperadas de ações Classe A.

O banco pagará 45,84 reais por unit (BIDI11) ou por três ações preferenciais (BIDI4) aos acionistas que optarem pelo resgate, preço 22% acima do fechamento de quinta-feira, de 37,56 reais por unit. A data limite para optar pelo direito de resgate é a quinta-feira da próxima semana, dia 2 de dezembro, disse a diretora financeira, Helena Caldeira.

Quem optar por continuar como acionista receberá um BDR do Inter atendidas as seguintes condições: a cada unit ou a cada três ações preferenciais (BIDI4) ou ordinárias (BIDI3) que tiver.

Em um segundo momento, esses BDRs poderão ser convertidos em ações de Classe A na Nasdaq.

A listagem efetiva do banco na Nasdaq é esperada para 28 de dezembro, por causa do cumprimento de prazos legais, disse a executiva. A Inter Platform será negociada com o ticker BIDI. Os BDRs terão o ticker BIDD31.

Caldeira disse ainda que o Inter espera que o volume de opções pelo resgate não alcance 2 bilhões de reais. Se os pedidos de resgate superarem este volume, o Inter tem o direito de revisar a transação e eventualmente reduzir o valor.

As units do Inter subiram 3,76%, e as ações preferenciais, 4,72% no pregão desta quinta-feira. No acumulado em 12 meses, ambas acumulam alta próxima a 60%.

(Com a Reuters)

Fonte: Exame

Mais notícias