Conectado por

DJ90

Nacional

Aplicativo de transporte fará entrega de remédios para pessoas do grupo de risco

Publicado por

em

O governador Romeu Zema anunciou, nesta segunda-feira (13), na UFMG, durante encontro com o ministro Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Marcos Pontes, que o Estado firmou uma parceria com o aplicativo de transporte 99 para a entrega de medicamentos à pessoas do grupo de risco que não podem se deslocar às farmácias populares para a retirada de remédios. Por causa da pandemia de coronavírus, a recomendação é que pessoas acima de 60 anos fiquem em casa.

O projeto piloto começou a ser desenvolvido nesta segunda-feira, em Juiz de Fora, na Zona da Mata, e conta com o aporte de R$ 300 mil da empresa. “Estamos iniciando hoje, em Juiz de Fora, com a ajuda do aplicativo 99, que cede R$ 300 mil para este teste, a entrega de medicamentos para pessoas que têm risco e precisavam ir periodicamente às farmácias populares. A partir de agora vai receber a domicílio”, explicou o governador.

Abrangência

No início da noite desta segunda-feira, o Estado deu novos detalhes desta parceria. A iniciativa tem objetivo de coibir a formação de filas e pontos de potencial disseminação do coronavírus nas 28 farmácias regionais administradas pelo Estado. Além de Juiz de Fora, Belo Horizonte também receberá o projeto piloto, que será implementando a partir do dia 20 de abril. 

Segundo levantamento do governo, Minas Gerais tem hoje 1.682 potenciais pacientes portadores de Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC) e asma residentes na capital mineira, e 730 potenciais pacientes portadores de DPOC, asma e hipertensão pulmonar no município de Juiz de Fora.

Apenas na farmácia da regional de Belo Horizonte circulam, aproximadamente, 50 mil pacientes por mês, além de cerca de 220 funcionários. Diante da pandemia do novo coronavírus, a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) já adota medidas preventivas sem prejudicar os pacientes.  

Após o piloto serão ajustadas questões operacionais junto ao parceiro para que a iniciativa seja estendida aos 183 municípios mineiros nos quais a 99 opera.

Por meio de nota, Matheus Wood, gerente da 99, afirmou que um dos objetivos da empresa durante a pandemia da Covid-19 é auxiliar na distribuição de medicamentos para os mais necessitados.

“Para nós, a saúde e o bem-estar da sociedade estão na lista de prioridades. Estamos fazendo parcerias com o poder público em várias localidades e ficamos muito felizes em firmar este projeto com a Defesa Civil Estadual para garantir remédios para quem precisa. Sabemos que sempre é possível fazer mais e esperamos que mais e mais pessoas e empresas se juntem nesta corrente de solidariedade para vencermos esta pandemia”, diz trecho da nota.

Atualizada às 19h55.

Fonte: O tempo