Conectado por

Geral

77% dos brasileiros já perderam tempo para comprovar sua identidade

Uma pesquisa mediu o impacto na vida dos brasileiros de pequenas burocracias para verificação de identidade no acesso a bens, serviços e compras online. O levantamento da empresa IDTech Unico e do Instituto Locomotiva mostra que essa realidade afeta não apenas o cotidiano das pessoas, mas a economia do país.

Bancos, cartórios e órgãos públicos estão entre os que lideram as queixas.

A pesquisa mostrou que 77% dos brasileiros ouvidos já perderam tempo ou dinheiro desnecessariamente por ter que comprovar sua identidade presencialmente em empresas, instituições privadas e públicas. 85% tiveram que solicitar a recuperação ou alteração de senhas esquecidas e 80% precisaram anotar senhas de forma não segura para não se esquecer delas.

O diretor de comunicação da Unico, Pedro Henrique Oliveira, avalia que o avanço dos serviços digitais durante a pandemia não se refletiu na simplificação dos procedimentos. 9 em cada 10 pessoas ouvidas afirmaram ter enfrentado dificuldades em acessos e liberações nos últimos doze meses.

Pedro Oliveira destaca que o impacto desses processos que complicam a vida dos brasileiros acaba influenciando também a cadeia de consumo do país e a geração de empregos.

A solução, segundo o especialista, continua apontando para o digital. Pedro Henrique Oliveira afirma que é possível avançar na simplificação sem perder a segurança.

E essa é também a percepção dos brasileiros ouvidos na pesquisa. 85% deles disseram que adorariam viver sem a necessidade de decorar senhas, utilizando tecnologias de identificação mais seguras e concordam que o uso do reconhecimento facial poderiam reduzir fraudes e golpes.

Geral Rio de Janeiro 18/07/2022 – 19:38 Jacson Segundo / GT Passos Fabiana Sampaio – Repórter da Rádio Nacional Identidade Tempo Burocracia comprovação segunda-feira, 18 Julho, 2022 – 19:38 168:00

Fonte: Ag. Brasil

Mais notícias