Conectado por

DJ90

Nacional

Covid longa

Publicado por

em

Uma coalizão de hospitais realiza estudo sobre efeitos de longo prazo em quem foi infectado pelo SARS-CoV-2. Tenha tido a forma grave da Covid-19 ou mesmo as formas leves. O leitor saberá mais detalhes aqui (leia). É uma das múltiplas frentes de investigação mundo afora.

Se estamos no começo da vacinação (veja aqui o andamento dela pelo Brasil), mais incipiente ainda vai o conhecimento sobre a doença. A segunda onda global, por exemplo, foi em boa medida uma surpresa. Uma explicação é ela ter sido provocada pelo relaxamento após a primeira onda.

Mas essa é apenas uma tentativa de explicação. Na Gripe Espanhola, de cem anos atrás, uma hipótese bem aceita é a segunda onda (a mais mortal das três) ter sido provocada por mutação do vírus para uma forma bem mais agressiva (leia). Será igual aqui?

Como vai ser o desenrolar da Covid-19 diante do surgimento de novas cepas, mais infecciosas e mais letais? Enquanto se quebra a cabeça para responder, a humanidade corre atrás das vacinas. E torce para o espectro delas ser amplo o suficiente, pois o vírus não está “parado”.

*Analista político da FSB Comunicação

Siga Bússola nas redes:  InstagramLinkedin  | Twitter  |   Facebook   |  Youtube 

Fonte: Exame

Publicidade

Todos os direitos reservados para @noticiasderondonia.com.br - noticias@noticiasderondonia.com.br